Palhaçada: o aumento do DPVAT

Ter, 14 de Dezembro de 2010 10:19
Imprimir

Palhaçada: o aumento do DPVAT

O DPVAT estará mais caro em 2011. Em alguns casos o aumento chegará a 15% (micro-ônibus e ônibus). E não é só: a famigerada e absurda taxa de emissão do bilhete do seguro (!) também subirá, chegando a R$ 4,15.

Segundo a SUSEP os aumentos foram autorizados (?) pelo Conselho Nacional de Seguros Privados – CNSP, órgão vinculado à própria SUSEP, que por sua vez está vinculado ao Ministério da Fazenda. Em outras palavras: o governo aumentou o valor do DPVAT.

Sim, esse mesmo governo que em 2006 editou uma medida provisória (MP nº 340/2006) que diminuiu e congelou o valor das indenizações, fixando-as em reais e não mais em salários mínimos. E esse mesmo governo que em 2008 dividiu e tabelou o corpo humano, instituindo a nefasta tabela de danos pessoais para os casos de invalidez permanente.

Ah, mas desde de 2008 o valor do DPVAT não subia, argumenta a SUSEP. E daí? Se desde de 2006, com a citada medida provisória, as indenizações não cresceram nenhum centavo!

A consequência parece bastante óbvia: por mais que neguem, o ganho das seguradoras não para de subir, pois as indenizações valem cada vez menos (já são 4 anos de inflação corroendo seu valor) e o DPVAT cada vez mais. Como diria um conhecido jornalista: “Isto é uma vergonha!”.

Tão grande é nossa revolta que preferimos resumir o que pensamos a respeito: palhaçada!

SeguroDPVAT.com